Sábado

8 Fevereiro

  • 07.35

    O Apache Branco

    +12+12
    +

    O chefe dos escuteiros Ed Bannon trabalha para o exército americano em Fort Clark no Texas e sonha trazer paz á região apesar da oposição so exército e dos Apaches.

    Ir para filme
  • 09.25

    Núpcias Trágicas

    +12+12
    +

    Um rapaz assombrado por pesadelos da noite em que a sua familia inteira foi assassinada é criado por uma familia vizinha nos anos 1880. Apaixona-se pela sua irmã adotiva mas o seu irmão adotivo e um tio misterioso querem vê-lo morto.

    Ir para filme
  • 11.05

    O Homem Que Matou Liberty Valance

    +12+12
    +

    Um western clássico de John Ford, filmado em 1962, com uma história triangular que liga três homens: Tom Doniphon (John Wayne), o velho bom gigante de sempre, com a sua voz arrastada e o seu tom displicente e empedernido; Ranse Stoddard (James Stewart), um herói inesperado; e o vilão Liberty Valance (Lee Marvin). Quando o filme começa, dois destes homens estão mortos. Stoddard, advogado e homem de convicções fortes, conta a história em flashback a um curioso jornalista, para explicar porque é que se tornou conhecido como "O homem que matou Liberty Valance", o criminoso mais temido das redondezas. O filme ganhou um óscar para o melhor guarda-roupa em 1963.

    Ir para filme
  • 13.05

    Os Quatro Filhos de Katie Elder

    +12+12
    +

    Quatro irmãos que se juntam num funeral decidem descobrir o assassino do pai, mas em pouco tempo passam de justiceiros a perseguidos pela justiça, com guerras de clãs pelo meio e tiroteios épicos. Western psicológico mas clássico de Henry Hathaway.

    Ir para filme
  • 15.05

    Julgava-te morto, Mr. Jake

    +12+12
    +

    Quando o neto de Big Jake (John Wayne) é rapatado pelo bando liderado por John Fain, a determinação de Big Jake em resgatar o seu neto é inabalável.

  • 17.15

    A Leste do Paraíso

    +12+12
    +

    O filme "A Leste do Paraíso" marca o primeiro papel de relevo de James Dean no cinema. A sua interpretação de um jovem rebelde e insatisfeito, que retomaria em "Fúria de Viver" (realizado por Nicholas Ray no mesmo ano), transformaram de imediato o actor num ícone da sua geração. "A Leste do Paraíso", adaptação ao cinema do romance de John Steinbeck, tem por cenário a América rural do início do século XX. Adam Trask (Raymond Massey) é um fazendeiro rico que vive em Salinas Valley com os seus filhos, Carl (Dean) e Aron (Richard Davalos), dois rapazes de personalidades muito diferentes. Convencido de que o pai gosta mais do irmão, Carl entra numa espiral de frustração, ciúme e insatisfação com tudo e com todos, mas acima de tudo consigo próprio. O comportamento destrutivo de Carl acabará por afectar toda a família. Esta obra-prima do cinema norte-americano recebeu diversos prémios, incluindo o de melhor filme no Festival de Cannes de 1955. Do lado da Academia de Hollywood, o filme teve apenas um Óscar, recebido por Jo Van Fleet na categoria de melhor actriz secundária.

    Ir para filme
  • 19.15

    Fúria de Viver

    +12+12
    +

    É um dos mais míticos filmes do cinema americano, e foi o filme que construiu, definitivamente, o mito de James Dean que já tinha morrido quando "Fúria de Viver" se estreou na América. Mas dizer que "é um filme de James Dean" é pouco, já que também lá estão Natalie Wood e Sal Mineo. Além do mais, em tudo "Fúria de Viver" "é um filme de Nicholas Ray" provavelmente, o mais comovente dos filmes de Ray. É no prodigioso "scope" (que o cineasta utilizava como ninguém) que está coreografada esta assombrada dança da adolescência, este encontro cósmico de três almas gémeas que querem fugir do mundo que os rodeia a América puritana dos anos 50 para construírem um mundo só deles. Não por acaso, as sequências mais marcantes deste filme passam-se no planetário de Los Angeles e numa casa abandonada de Beverly Hills.

    Ir para filme
  • 21.15

    O Gigante

    +12+12
    +

    Esta superprodução faustosa, sobre as relações e os conflitos amorosos de uma poderosa família do Texas, valeu a George Stevens o segundo Óscar para melhor realizador. Em 1951 Stevens já tinha recebido a estatueta dourada pelo filme "Um Lugar ao Sol", com Montgomery Clift, Elizabeth Taylor e Shelley Winters . Ainda assim, "O Gigante" será sempre recordado como o último filme de James Dean, que viria a falecer pouco depois da rodagem num acidente de automóvel. Como sempre, Dean é uma presença comovente e, mesmo numa personagem menos complexa que as anteriores, consegue envolver-nos na sua aura de fragilidade.

    Ir para filme
  • 00.35

    O Último Tango em Paris

    +18+18
    +

    Marlon Brando oferece-nos uma performance fascinante no papel de um homem devastado pelo suicídio da mulher que tenta afogar as suas mágoas numa relação fugaz e puramente carnal com uma estranha fascinante (Maria Schneider).

  • 02.40

    Nascido Para Matar

    +16+16
    +

    Da recruta à sangrenta ofensiva no Vietname, a odisseia de um grupo de jovens soldados americanos. Filme fascinante e perturbador de Stanley Kubrick que revisita a mais traumática guerra da América, a partir da adaptação de um livro de Gustav Hasford.

  • 04.35

    O Ladrão Profissional

    +16+16
    +

    Cada vez mais próximo do seu sonho de viver uma vida normal, um arrombador de cofres profissional aceita fazer um trabalho para a Máfia, que tem outros planos para ele.